quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Ignominiosa Insensatez




“...quem pense estar de pé,
Acautele-se para que não caia”
– 1 Cor 10:12



O Gama está em luto, chocado. Mas antes de entrar no mérito, permita-me contar-lhe uma passagem sobre minhas duas irmãs. Desde pequeno, minha irmã mais velha sempre se recusava a fazer parte dos superfinos irmãos. Sabe aquele grupo do salão que muitos insistem em olhar com desdém, acusando-os de serem fraco, rebeldes, etc? Ela fazia parte desta turma. Por mais criticas que recebessem, eles saiam para dançar nos barzinhos da orla de Salvador, pagode no Abaeté, final de semana na Ilha de Itaparica ou na Ilha de Maré, praia de Piatã, não estavam nem aí. Serviam a Jeová, mas não deixaram de se divertir. As más línguas desciam o cacete nela e até sua castidade havia sido questionada. Ela sempre me dizia, “se dependesse desse povo eu estaria desassociada.” Para aqueles irmãos, ela não era um exemplo.

Já a minha outra irmã caçula era justamente o contrário. Batizou-se com 10 anos, com 11 já era pioneira auxiliar por tempo indeterminado e com 14 se tornou pioneira regular. Minha irmã era tudo aquilo que nós criticávamos: preconceituosa, arrogante, se achava a mais certa de todas e chamava todo mundo que não tinha a mesma visão que ela de fraco. Era o xodó dos anciãos e demais pioneiras regulares. Sempre era chamada para dar entrevistas em congressos, assembléias, enfim, era um “exemplo” a ser citado. Certa vez, com lágrimas nos olhos, minha mãe foi obrigada a ouvir calada algo como “de seus filhos, parece que somente ela vai dar para o que preste, né?”

Pois bem, o tempo passou e acabou dando-nos uma lição. A minha irmã “rebelde” casou-se com um irmão, teve uma linda e inteligente filhinha e vive sua vida dedicada a Jeová até hoje sem nunca ter sido repreendida ou desassociada. Já a minha outra irmã se envolveu com um não-cristão, se divorciou e só não foi desassociada pela grande misericórdia de nosso Deus refletida na Comissão Judicativa que a julgou.

Passaram-se mais de 7 anos desde que este problema aconteceu. Seu marido aceitou a verdade, se batizou e hoje é Servo Ministerial. Mesmo assim, ela irá lembrar disso como uma grande lição em sua vida. Ela ficou longe daquilo que ela era na infância, agora é uma pessoa tolerante, amorosa, compreensiva, não prejulga as pessoas e possui um bom humor que só perde para o meu.

Qual a moral da história? Simples. A arte que temos em adorar a Jeová e idolatrar personalidades. Quando minha irmã caiu no erro, foi um choque. Duas irmãs na congregação se disseram chocadas e deixaram de assistir as reuniões. Foi um rebuliço, pois ninguém esperava. Mas se acontecesse com a minha outra irmã, ninguém iria ligar, diriam até algo como “eu já esperava” e a vida ia seguir o seu caminho e ninguém ia dizer que estavam tropeçando numa pedra. Sabem por quê? Porque ninguém idolatrava minha irmã mais velha como a mais nova.

O que os irmãos no Gama estão passando neste exato momento é justamente o efeito colateral de se idolatrar personalidades. A personalidade idolatrada sempre foi um bajulador nato, puxa saco mesmo – ao ponto de renegar a própria família para ficar bajulando superintendentes. Eu nunca consegui enxergar sinceridade naqueles olhos. Sabia que escondiam por trás daquele maneirismo formal, quase automático, robótico. Seus discursos eram decorados, não tinham vida. Bajular “autoridades” dava certo, pois ele se tornou presidente de uma congregação e recebia os melhores privilégios. Era faz tudo do circuito. O irmão Fulano era um exemplo!

Quando estávamos treinando o drama do congresso de 2007, onde eu fui convidado a fazer parte, várias foram às vezes em que segurava meus enjoos em torno do festival de chaleirismo. Pedi a palavra uma vez para questionar uma decisão, quase fui linchado pelos olhares das pessoas que não acreditavam que eu estava questionando “O” fulano. Ele era realmente admirado. Agora, caiu, feio, horrível, desgraçado porque além de cair, vituperou o nome de Jeová por toda a comunidade, por toda a cidade. Deviam ser apedrejados até a morte, como se fazia nos dias de Israel.

Sabe o que eu acho disso tudo? Não me surpreendo por ele. Admito que me surpreendo por ela, por ser jovem e bonita. Mas enfim, nada disso abala minha fé, como sei que abalará a de muitos no Gama. A única lição que tiro disso tudo é que estou no caminho certo ao não admirar personalidades e desconfiar daqueles que sempre querem demonstrar espiritualidade demais e não se restringem em julgar os outros. A estes, fecho este post com as seguintes palavras de um dos homens mais sábios que existiram no passado:


“Antes da Glória há humildade” – Provérbios 15:33

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Da série, meu brazil brazilêro







E não adianta tentar enganar. Um sistema colocado na privada detecta se o serviço é número 1 ou número 2.

Se fizer os dois tem desconto.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

Buraco Obama



Desde ontem o mundo tem novo dono. A diferença é que desta vez não há protestos e nem declarações inflamadas de que os Estados Unidos são os demônios do mundo. Muito pelo contrário, agora temos declarações ufanistas do Super Obama, o messias, o salvador do mundo. Até já identificaram o presidente russo Putim com o anti-cristo para assim a novela da guerra apocalíptica ficar mais divertida.

Na minha opinião, independente da visão que temos da Bíblia de que as coisas continuarão piorando sempre no campo político, eu acho que o Barck Obama não vai dar pro caldo. Estão colocando muita expectativa em suas costas, e a mesma intensidade de excitação será transformada em decepção na mesma medida. Barack Obama é igual ao nosso presidente Mula, digo, Lula, possui um marketing popular incrível e fala para as massas. Ao serem citados em seu discurso de posso, gays, negros, índios, judeus, muçulmanos se viram valorizados e o apoiarão.

O problema é que esquecem que como qualquer outro político, ele possui um partido político (Democratas) que costuma ser ultranacionalista e cujo conceito de relações exteriores é aquele onde só o Estados Unidos ganhe. Possui um congresso de Senadores que costumam ser independentes e protecionistas na mesma medida. Possui uma oposição ferrenha, já que os Republicanos ainda possuem grandes influências, sem falar na crise financeira e nos eternos inimigos (Irã, Cuba, Venezuela, Coréia do Norte, Rússia, China...) que estão se lixando para o sorriso simpático de Barack Obama.

Não haverá uma estabilidade política, segundo as Escrituras, a tendência do mundo é piorar. O oriente mundial, representado principalmente pelos muçulmanos radicais (Babilônia, a Grande?) se arma até os dentes de ogivas nucleares, a Rússia corre atrás dos tempos perdidos e dizem que uma “Guerra Fria” já está ocorrendo. Com todo esse ufanismo exarcebado em torno de Obama, já imaginou o que ocorreria se ele fosse assassinado? Alguém falou em 3ª guerra mundial?

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Os micos dos Congressos




Eu sei que esse é um daqueles post que vai criar polêmica, mas não tem como ignorar. Toda a assembléia ou congresso é a mesma coisa, aquelas famosas cenas ou situações corriqueiras que acabam virando micos tradicionais. Tenho certeza que todos vocês já viram, e já riram, alguma vez com isso.

:: Entre chique, sai brega ::

Tem irmãs que não sei porque arrumam os filhos ou colocam aquela roupa chique da hora, se depois de 2 horas de iniciado o programa, vai tudo por água abaixo. A irmã tira o salto e fica com os pés no chão, a mãe estende uma toalha e coloca os filhos sem roupa dormindo, é camisa de fora da calça, o penteado que não é mais o mesmo, aquelas coisas...

:: Entra chique, e fica mais chique ainda ::

Já as mais novas ou as solteironas não perdem a pose. Elas andam parecendo que estão desfilando numa passarela, queixo ao alto, cabelo na chapinha, força na peruca e muita pose. Passam toda a manhã e intervalo em busca de um irmão bonito. Ao final da assembléia, desesperada, ela abaixa o queixo e passar a cogitar qualquer um que se chame irmão.

:: Os galãs de novela ::

Geralmente em grupo, afinal homem é frouxo demais para agir sozinho, eles estão lá todos se achando o Brad Pitt ou George Clooney, com seu terno de R$ 90,00 comprado na promoção da Cia do Terno, prontos para fisgar a primeira irmãzinha desavisada. Com olha sedutor ou com cara de sem vergonha, eles não estão nem aí para o programa, para a oração, para o cântico, sua única preocupação é localizar o rostinho mais novo do pedaço. E quando não encontra, costuma dizer para os amigos: “Puxa, essa Assmbléia está fraquinha né?”.

:: Restaurant Car ::

De fusquinha a Corsa Sedan, estão todos lá com seus porta-malas abertos, recheados de salgadinhos, bolos, guaraná Aruba de laranja ou aquele arroz feito ontem com cara de anteontem, com um pratinho na mão lascando uma dentada naquela coxa de galinha cheia de farinha caindo pelos cantos. Pior que isso é agüentar os bicudos que sempre encostam para ver se bica alguma coisa com aquela frase batida “Opa, cheguei em boa hora...”

:: Os conectados ::

Assembléia ou Congresso é dia de reflexão. O que o cara está fazendo ali com um Mp4 no ouvido, ou ligando no seu IPhone bem à vista de todos ou digitando no seu Notebook? Querendo se aparecer ora bolas. Salvo se o Mp4 estiver tocando Melodias do Reino, a ligação for para contar a um amigo um discurso que ouviu ou se no Notebook em vez de estar atualizando a página do Orkut, esteja pesquisando o Watchtower Library. Mesmo assim, ali não é hora para isso.

:: Entrevistas decoradas ::

Tem coisa que mais arranhe o ouvido da gente do que ouvir entrevistas decoradas? Sabe aquela que começa assim: “Bem irmão, conforme diz o texto de Mateus...” e ai ela profere tooooodo o texto bíblico para depois, em palavras belíssimas e pré-analisada do Aurélio ou Michaelis, contar o que houve na vida dela. Chega, gente! Mais espontaneidade, por favor. É uma entrevista, não um discurso.

:: Blogueiros ::

Pior mesmo é um irmão que não tem o que fazer, fica observando a vida dos outros, e ainda escreve isso no seu blog só para receber comentários ácidos dos irmãos o acusando de ser fraco, tonto, idiota...

domingo, 18 de janeiro de 2009

08 de junho de 2009
Brazilian Cultura Day




Chega de anos de manipulação das mentes do povo brasileiro.
Chega de alienar a população. Chega de tantas falcatruas e corrupção. Chega de tendenciosismo e banalização.
Chega da Rede Globo!

Esta blog apoia a idéia que surgiu do pessoal da GTO. No dia 08 de junho de 2009 desligue a TV ou sinalize na TV Cultura.



sábado, 17 de janeiro de 2009

terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Superinteressante e a Bíblia



Diz o Manual do Alienado que para ser sublime nesta categoria ele deve se abster de ler e fazer pesquisas, acreditar apenas no que lhe dizem, seguir fielmente às regras sem questionar e repetir idéias dos seus superiores ou de seus ídolos como "papagaio de piarata". Como ser alinado não está no meu gene, eu costumo ler, e uma dessas leituras é a revista Superinteressante. E como tal, sempre fui criticado por alguns irmãos. Mas desta vez, darei minha mão à palmatória: A revista Superinteressante é uma grande bosta.

A edição de dezembro, por exemplo, foi uma grande baboseira. Que a Bíblia foi inscrita por homens, mas inspirada por Deus todos nós sabemos. Sabemos tambem que ela não foi uma escrita direta, mas relativa, sob inspiração. Mas a revista foi longe, tentou pregar que a Biblia foi uma invenção de escritores que pegaram suas histórias de lendas e contos pagãos, e que nada tem a ver com inspiração divina. Deixou de lado pesquisas arqueológicas, atropológicas e históricas, além de comentários de especialistas sérios, para fazer uma matéria salpicada de preconceitos, críticas, falácias, suposições e conhecimento superficial. Todas elas estabelecidas como verdade absoluta.

A Revista Superinteressante coloca em cheque a sua credibilidade por ferir um dos conceitos básicos, de que toda questão deve se ouvir os dois lados. Curiosamente a edição atual sobre Che Guevara, traz ambos pontos de vistas, de pessoas que acharam ele um herói e de outros que o consideram um assassino. Mas sempre que envolve religião, tanto a Superinteressante como sua cópia Galileu toma partido pelos agnósticos, fazendo matérias tendenciosas que envolva critica contra a religião.

Uma vez cheguei a escrever à revista perguntando se entre os requisitos para ser redator da revista era ser amante das idéias de Darwin e ateu. Não me responderam. Com relação a esta matéria, não perdi meu tempo escrevendo à ela, com grande quantidade de pessoas que acreditam na Bíblia como palavra de Deus, sabia que alguem se expressaria melhor que eu. Entre palavrões (sic), ofensas, achei a ótima resposta de um tal de Daniel Carvalho. Ele se expressou da seguinte forma:

"Eu tenho um desafio para os editores da revista. Que tal editar um livro que produza o mesmo impacto nas gerações futuras, que crie um personagem tão profundo e influenciador como Jesus Cristo e demais apóstolos, que influencie uma geração por mais de 6 milênios, que relate profecias tão específicas com até 200 anos de antecedencia, que a Bíblia?. Tenho certeza de que não será difícil para vocês, uma vez que a Bíblia é mera obra de humanos. Vocês até levam vantagem, pois vivem numa época de maior elucidação e conhecimento. Se a Bíblia é obra ou fábula de homens, vocês tem de reconhecer que eles foram competentes, não acham? Ou será que não houve uma obra sobre-humana?" (O grifo é meu).


PS: Acabei de mandar um email cancelando a minha assinatura da Superinteressante.

domingo, 11 de janeiro de 2009

BONANZA




Olho para frente não sei bem por quê
Avanço na mesma direção
Rumo ao castigo
Penso em todos os inimigos
Que me esforcei pra conquistar

Olho para os lados e percebo que
Não tenho alguém pra me esquecer
Ando mais um pouco
Penso em quando era garoto
E havia tantos sonhos pra sonhar

Me mostre a conclusão
Escreve esse final
Me mostre a direção
Me dê algum sinal
Pois tem que haver
Tem que haver
Alguma redenção
Meu pobre coração
Que nega-se a pulsar

MOPTOP

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

O status vale o investimento?



"Vi todos os trabalhos que se faziam debaixo do sol,
e eis que tudo era vaidade e
um esforço para alcançar o vento"
- Eclesiaste 1:14



Se você é rico e tem dinheiro de sobra, então não leia este post.Mas se você, assim como eu, é assalariado, ganha pouco e ainda tem algumas bocas pequenas para alimentar, então leia atentamente. Na atual modernidade a tecnologia anda na velocidade da luz. Quando menos se espera um novo celular ou computador chegou às prateleiras. Mp3 rapidamente virou Mp7. Notebooks são vendidos com preços mais baratos que alguns micro-computadores. Mas a questão é: vale à pena gastar dinheiro agora nestes aparelhos? Eu preciso realmente disso ou é apenas uma questão de status?

PORTA RETRATOS DIGITAL

Boa sacada de quem inventou isso. Um porta-retratos que mostra imagens (fotos) digitais armazenadas que se alternam conforme a programação. Alguns chegam, inclusive, a emitir sons. Custa na faixa de 150 a 300 reais a depender do tamanho e da marca. Vantagens? Compre apenas se você for um grande executivo de uma média ou grande empresa, uma vez que tê-lo na mesa indica modernidade, mas se for para deixar em cima da estante da sala ou na mesa do escritório de sua padaria, não vale à pena, e ainda pode passar uma imagem ruim de esnobe.

MONITOR DE LCD

Na briga com o plasma, o LCD acabou levando a melhor, e como o comércio fomenta a sua venda, o seu preço ainda está nas alturas. É bonito, realmente, mas serve apenas para dar uma visão legal e futurista e teoricamente elas cansam menos a vista. Pra começar as telas de LCD possuem uma resolução fraca em comparação aos monitores SVGA. Além de ser até 300 reais mais baratos, os monitores SVGA possui uma resolução melhor e são ótimos para quem trabalha com desenhos gráficos ou gosta de assistir filmes ou games no micro. Se procura beleza e status, e tem dinheiro sobrando, a tela de LCD é o caminho, mas se quer realmente qualidade em resolução, o velho monitor CTR SVGA é o mais indicado.

TV DE LCD E PLASMA

Sonho de consumo de 10 entre 10 donas de casa. Não tem como negar que uma TV assim fica linda na sala, mas o beneficio por enquanto é só esse. As televisões de LCD e Plasma foram fabricados para receber sinais digitais e imagens de alta definição (em inglês High Definition, HD). O problema é que no Brasil o sinal ainda é analógico e o sinal digital está engatinhando e as imagens em HD acabou de sair da mesa do parto. Resultado: imagens distorcidas, muitas sombras e fantasmas e pouca qualidade. Só para se ter uma idéia, a poderosa Rede Globo só transmite sinal totalmente digital para São Paulo e apenas a novela das oito e as minisséries são gravadas em alta definição. A SKY e NET divulgam que seu sinal é digital, mas não explica que a fonte é analógica. É como se você pegasse uma foto antiga e passasse no scanner e divulgasse como foto digital. Vá por mim, não vale à pena comprar uma televisão de LCD agora. Guarde o dinheiro para daqui há dois anos, no mínimo, quando as televisões estarão mais baratas, e o sinal digital estará a todo vapor com as emissoras produzindo seus programas em HD.

NOTEBOOK

Símbolo do egocentrismo, compre apenas se ele for parte integrante do seu trabalho e você precisar realmente de mobilidade. Se for usuário doméstico ou usar apenas em seu escritório, prefira continuar com o velho micro-computador, devido a acessibilidade que o mesmo proporciona. Além disso, há a questão da manutenção. O curso de montagem e configuração de notebooks chega a ser o triplo de um micro-computador, assim é lógico que quando o aparelhinho der pau, os custos serão também mais caros. E há poucos técnicos no mercado. No mesmo raciocínio é muito mais barato e fácil fazer upgrade nos PC do que num notebook. Deixa o status de lado, seu bolso agradece.

INTERNET MÓVEL 3G

É especial para notebook. Não cometa o mico de comprar para o seu PC. Ainda assim, só compre se precisar realmente da internet “na rua”, como parte do seu trabalho. Eles ainda são caros e a velocidade é baixa. Geralmente estima-se que não chegue nem a 10% do prometido. Por exemplo, numa conexão de 1 Mega, você não conseguirá nem 100 Kbps para navegação e no máximo 500 Kbps para download. Baixar filmes ou músicas pelo 3G? Pelo amor de Deus, você vai passar raiva. O velho ADSL+2 ainda é a melhor conexão que existe pois ainda utiliza o sistema de cabeamento que é superior ao WI-FI utilizado pelo 3G. No ADSL de 1 Mega, você consegue até 600 Kbps de navegação e até 800 Kbps nos downloads. Se não estiver precisando no momento, espere um pouco mais, pois dizem que a geração 5 da internet móvel promete revolucionar.

IPHONE

Este então, não serve para nada, é mais um subproduto da mídia comercial e servirá apenas como status para mostrar para os amigos.Não que o telefone seja ruim, pelo contrário, é excepcional, mas a importância dele para você é similar ao XBOX, o supergame da Microsoft. Compre apenas se você tiver dinheiro sobrando e gostar de esnobar (existe coisa mais ridícula que ver um irmão com IPhone ou Notebook em plena Assembléia ou Congresso?). Além disso, o preço praticado no Brasil é absurdo, sai por R$ 2.000,00 pela VIVO. No Chile e na Argentina é possível compra-lo por R$ 200,00. Além disso, os serviços estão todos atrelados à Apple, que cobra em dólar, sem falar que exige uma exclusividade burra. Um Mp7 acaba sendo mais interessante do que ele.

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

BB Besteira




Infelizmente, para mim, teremos uma nona edição do BBB. Pelos números da audiência e pelo fato ser a nona edição, significa que muita gente gosta disso. Fazer o que? Há também os que fingem que odeiam, mas não consegue ficar sem falar no “BBB de ontem”. A crise americana, a guerra na Faixa de Gaza, as investigações sobre a fusão Oi e BrasilTelemar e várias outras discussões deste país são renegados a segundo plano. Estes só perdem para aqueles que querem saber qual será o destino de Flora na novela das oito. Beijinho doce?

Para que serve o Big Brother? Para transformar a vida de 18 pessoas que terão os seus 15 minutos de fama. Metade deles irão fazer a festa da Sexy ou Playboy, vão ter suas interessantes vidas acompanhadas pelo site EGO. Provavelmente vai participar especialmente de alguns programas chulos da Globo e depois cairão no esquecimento. Você lembra quem foram os ganhadores das últimas edições? Imagine os participantes.

Ah, mas tem a Grazi, Sabrina Sato e Juliana que fez um ótimo papel na Portelinha. Ta bom, se você acha isso sucesso, podemos dizer que a Globo força a barra com a bocuda da Grazi apresentando como “namoradinha do Brasil”, e Juliana, bem esta, no máximo fará papeis de favelada, empregada ou escrava, se a Globo vier com alguma novela de época.

A Sabrina Sato foi a mais inteligente de todas. Sério! Em vez de aceitar um papel mixuruca em uma noveleca da Globo e depois cair no esquecimento, preferiu assinar com o Pânico onde ela desempenha o papel de “musa burra e gostosa”. Desempenha? Ta, eu sei, mas foi lance de meste, pois é a única que chama a atenção hoje em dia.

Segundo o site Kibeloco, as chances de um BBB chegar ao sucesso é de 1,77%. Apenas 3, depois de 113 participantes, conseguiram o sucesso. Bem, como não há como brigar contra o poder manipulador da Rede Globo, o jeito é aceitar passivamente. Talvez, nem tão passivamente assim.


Advinha quem entrou (e saiu) pelo sistema de cotas?

sábado, 3 de janeiro de 2009

Quando um filho adoece




Quando um filho adoece é muito ruim. A agonia de ver um rebento seu tossindo e soltando ruídos estranhos. Você começa a ficar preocupado, principalmente quando não entende o que se está passando. O caminho até o hospital, a ansiedade, a agonia e o desejo de vê-lo melhorar rápido. Pior ainda é quando o médico começa a tomar os procedimentos. Corta ali, arranca os membros daqui, injeções, bisturis, remédios...é uma loucura.

Mas ainda bem que no final deu tudo certo. Está tudo bem, que alívio.



Meu filho, na mesa cirúrgica, num momento delicado.