segunda-feira, 31 de agosto de 2009

A verdade sobre Charles T. Russell

"Mas a vereda dos justos é como a luz clara
que clareia mais e mais
até o dia estar firmemente estabelecido"
- Provérbios 4:18


Se você pesquisar por Charles Taze Russell no Google, será inundado por uma série de sites apóstatas denegrindo a imagem dele e de nossa Organização. Ao menos existem três acusações sérias:

(1) Ele foi um adúltero;
(2) Era membro da maçonaria; e,
(3) Um piramidologista.

As primeira acusação é fácil de desmembrar porque a própria vítima, sua esposa, declarou em juízo que não acreditava nisso. Falarei sobre isso com mais detalhes mais tarde. Porém as duas últimas são complexas pois existem supostas provas visuais: Russell realmente se interessou pelas pirâmides, em especial, a pirâmide de Gizé, publicou suas teorias no volume "O Plano Divino das Eras" e até à sua morte a Organização acreditava fielmente de que os planos de Jeová estavam atrelados a essa pirâmide. Ao morrer, Russell teria deixado orientações em seu testamento para que em seu túmulo fosse construído uma pirâmide, coisa que está lá até hoje para delírio dos opositores. Russell entalhava nos primeiros números de A Sentinela um símbolo de Cruz e Coroa, supostamente atrelada ao movimento maçon, e hoje, o terreno aonde está o seu túmulo, supostamente pertence ao Centro de Maçonaria de Allegheny, EUA.


FOTO:Túmulo de Russell em Allegheny, EUA.


Mas o que há de verdade em tudo isso? Como podemos rechaçar essas acusações infundadas com respostas concretas sem que pareçamos um bando de religiosos fanáticos e enganados? Com vocês, a verdade. Mas antes, precisamos entender a formação e as circunstâncias atenuantes ao qual Russell e seus associados estavam vivendo. Se você ainda não leu o livro "Proclamadores do Reino", o façam agora!. Se já luu, é bom ler novamente. É interessante estar sempre com a informação vívida, pois os apóstatas são tenebrosos e trabalham sempre com a intenção de plantar a dúvida. Leia o livro e conheça a história da organização o qual você faz parte por ela mesma.

Estavam eles no final do século 19, época aonde iniciava o declínio católico e as religiões tradicionais protestantes começavam a se destacar, especialmente devido aos imigrantes irlandeses e judeus que rumavam para a colônia inglesa na América do Norte, mais tarde nominada de Estados Unidos da América. Entre esses, surgiam também algumas seitas, como os Adventistas do Sétimo Dia, que embora pregassem sobre Jesus e rejeitasse ensinos católicos, tinham uma visão particular e seguiam o que consideravam uma profetiza, Ellen G. White.

Como é sabido, Charles Taze Russell possuia descendência escocesa-irlandesa e foi fortemente influenciado por seu pai presbiteriano, mas totalmente declinante diante das decepções da religião. Aos 17 anos, então, conheceu o pastor adventista Jonas Wendell numa reunião do "Segundo Adventismo" o qual o iluminou no restabelecido da fé nas Escrituras. Apesar de ter sido fortemente influenciado pelas crenças adventistas, Russell não seguiu especificamente a religião, mas junto com seu pai, formou um grupo de estudo da Bíblia em Allgheny, Pensilvania, com o film de estudar as Escrituras e extrair dela a verdade, sem a influência de nenhum religião fosse ela católica ou protestante. Nascia ali a Organização que mais tarde seria conhecida mundialmente como Testemunha de Jeová! (Proclamadores do Reino, Cap.5)


A Sentinela e o símbolo que supostamente alguns atribuem à maçonaria


O contexto da Bíblia nos informa que Deus provê iluminação espiritual gradual e progressiva, conforme os tratos de Jeová com Abel, Enoque, Abraão, Davi, Salomão e Samuel. Seria ingenuidade achar que Russel seria totalmente iluminado com as verdades bíblicas de uma hora para outra.

Chegamos então às pirâmides! Como se sabe, pirâmides na verdade, são grandes sarcófagos, túmulos, o qual o povo egípcio acreditava exercer alguma influencia após a morte da pessoa. Ao ler o texto de Isaias 19:19,20 chegou a conclusão de que a grande Pirâmide de Gizé faria parte de um cronograma divino que mostraria o fim dos tempos. O texto diz: " Naquele dia virá a haver um altar a Jeová no meio da terra do Egito, e uma coluna a Jeová ao lado do seu termo. E terá de mostrar ser como sinal e como testemunha para Jeová dos exércitos na terra do Egito; pois clamarão a Jeová por causa dos opressores, e ele lhes enviará um salvador, sim, alguém grandioso, que realmente os livrará." A partir daí Russell fez algumas correlações com passagens bíblicas e partes da arquitetura da pirâmide de Gizé e publicou suas idéias no livro "O Plano Divino das Eras". Chegou a conclusão de que os verdadeiros cristãos seriam arrebatados em 1914 e que a partir daí o mundo não seria mais o mesmo. Como sabemos, graças a leitura do livro "Proclamadores do Reino" isso não aconteceu e Russell teve que rever algumas de suas idéias, mas não demoveu a crença de que a grande pirâmide de Gizé ainda influenciasse de alguma forma o cronograma divino.

Mas será que Russell e seus associados adoravam a pirâmide? NÃO! Será que as nossas crenças são baseadas na piramidologia? NÃO! Era Russell maçon e a revista Watchtower servia para divulgar preceitos maçônicos? NÃO! Porque Russell esta enterrado abaixo de uma grande pirâmide e num terreno que hoje pertence a um centro maçônico? Responderei a tudo isso no próximo post.

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Pequenas Igrejas, Grandes Negócios


Há mais 100 anos uma vertente dos evangélicos comanda o Brasil. São os pentecostais e os neo-pentecostais, que surgiram das igrejas tradicionais protestantes descendentes da reforma criada por Lutero no século 16. As igrejas pentencostais se popularizaram na década de 70 baseando sua ideologia na idéia da salvação por meio de milagres de cura, bênçãos espirituais e na ação do poder do Espírito Santo nas pessoas que se manifestavam por meio de surtos, choros, gritos e o falar de línguas estranhas.

No inicio as igrejas tradicionais não gostaram e torciam o nariz para aquilo que elas chamavam de "distorção da tradição bíblica" e com isso houve a primeira separação evangélica entre as igrejas chamadas tradicionais e renovadas. Os primeiros acusavam os últimos de oportunistas e os últimos acusavam os primeiros de não acreditarem no poder do espírito santo.

Os neo-pentecostais surgiram logo depois mas se popularizaram por aqui na década 90 ao abraçar a causa jovem e atrair utilizando a teoria da prosperidade e a permissividade relativa. A teoria da prosperidade estabelece que você pode obter sucesso material se se dedicar sua vida à Deus praticando o "troca-troca com o Senhor". Sua doutrina afirma, a partir da interpretação de alguns textos bíblicos como Gênesis 17:7, Marcos 11:23-24 e Lucas 11:9-10, que os que são verdadeiramente fiéis a Deus devem desfrutar de uma excelente situação na área financeira, na saúde, etc.

Algumas igrejas neo-pentecostais cresceram entre as mais tradicionais, principalmente por baixar a guarda e se tornarem mais relativistas a conceitos bíblicos, como uma espécie de permissividade a algumas atitudes desde que "seja para a glória de Deus", como a introdução ao heavy metal, tatuagens, promoção de lutas e artes marciais, sexo antes do casamento, relacionamentos com quem não é cristão e assim por diante. Uma certa igreja, inclusive, distribui camisinhas em seus eventos para jovens. Desviam o conceito de Paulo que declarou em 1 Corintios 9:19-23 quando falou que se tornou judeu, sem lei, até fraco, para salvar alguns.

Outra grande caracteristica dos neo pentecostais são os discursos que são mesclados por textos de auto-ajuda adaptados para o conceito cristão petencostal misturado ao gnosticismo das religiões gregas. Advindas deste conceito todas elas pregam doutrinas como batalha espiritual, maldições herdadas dos pais, possessão dos crentes, linguagem estranha, e finalmente, a da confissao positiva de onde surgiu a teoria da prosperidade.

As igrejas neo-pentecostais não se contentam em apenas cobrar o dízimo (10%) dos seus membros, mas pregam que o crente tem que dar sempre mais e mais, e que só assim será retribuido por Deus. Baseado neste conceito, quando uma pessoa não tem sucesso na vida ou é ruim de saúde o motivo é a fé fraca e falta de confiança em Deus que é resolvido, obviamente, por doar mais.



"Dê e Deus te devolverá.
Mui grande medida sacudida. E transbordante.
Dê e Deus te devolverá."

Canção baseada numa visão deturpada
do texto de Lucas 6:38


As igrejas neo-pentecostais estão na moda e não parece que vai sair de cena tão cedo apesar das críticas do próprio meio evangélico. Por motivos óbvios, estão sempre nos noticiários com notícias atreladas a ações de charlatanismo, manipulação de fiés e desvios de dinheiros. Mas os membros não se incomodam, pois sempre são levados a acreditar que tudo não passa de perseguição, apesar de Jesus Cristo nunca ter sido perseguido por usar mal o dinheiro dos seus discípulos ou por ficar rico ilicitamente.

Os líderes destas igrejas são conhecidas por levar uma vida bastante abastada financeiramente e possuir muitos bens materiais. Geralmente atraem celebridades para o seu meio que acabam servindo como propaganda indireta. Essas igrejas no fim de tudo lembram apenas as palavras de Jesus quando disse:


"Nem todo o que me disser: ‘Senhor, Senhor’, entrará no reino dos céus, senão aquele que fizer a vontade de meu Pai, que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: ‘Senhor, Senhor, não profetizamos em teu nome e não expulsamos demônios em teu nome, e não fizemos muitas obras poderosas em teu nome?’ Contudo, eu lhes confessarei então: Nunca vos conheci! Afastai-vos de mim, vós obreiros do que é contra a lei." - Mateus 7:21-23

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

O que ainda vem por aí.

O que ainda vem por aí?



THUNDERCATS - O FILME





Lion-O, Tygra, Pantro, Chetara, Wily-Kit, Wili-Katt e Snarf estão de volta. Os personagens que fizeram grande sucesso na década de 80 estão preparados para enfrentar o dominínio de Mumm-ra e os mutantes. O filme, dirigido pelo diretor Jerry O’Flaherty, utilizou o processo de animação em 3D já vista em filmes recentes como Beowulf, aquela que utiliza atores de carne e osso como base de captura de imagens transformando-os em uma animação quase perfeita da realidade. E não será pouca bobagem, para o papel foram escalados Brad Pitt (Lion-O), Vin Diesel (Pantro) e Hugh Jackman (Tygra). O filme estreará nos Estados Unidos em novembro, mas só deve chegar por aqui ano que vem.


AVATAR





Desde o sucesso de Titanic, James Cameron não fazia outro filme. Por isso a expectativa de que AVATAR seja uma grande produção até porque o próprio diretor diz que o filme deixará Titanic no chinelo. O filme é sobre um veterano de guerra que é enviado ao planeta dos Na´Vi, uma raça mais primitiva, porém mais sábia que os terráqueos. Como o ar do planeta não pode ser respirável pelo homens, eles usam uma espécie de avatares, ou seja, bonecos controlados à distância. À medida que os homens vão conhecendo o planeta, acaba sufocando-os e transformando-os em escravos, que poderá modificar a relação dos dois planetas. Dizem que a tecnologia utilizada é de última geração e jamais vista em qualquer filmes. Nos Estados Unidos será lançado em dezembro; aqui só Deus sabe.

O ÚLTIMO AIRBENDER



Baseado no desenho de maior sucesso da Nickelodeon depois de Bob Esponja, o filme marca a estréia do diretor M. Night Shyamalan em adaptações no cinema, depois do fracasso dos seus últimos filmes. O nome original é "Avatar: The Last Airbenger", mas como a Fox já tinha registrado o nome, ficou apenas o subtítulo. "A série passa-se em um mundo fictício influenciado pelas artes marciais asiáticas, mescladas à magias elementais. Conta as aventuras de Aang, o último sucessor de uma longa linhagem de Avatares. Ele e seus amigos tem a missão de salvar o mundo dos ataques da Nação do Fogo, que quer dominar todo o mundo." (Wikipédia). Por incrível que pareça o desenho não é um anime japonês, mas uma produção americana, que de qualquer forma, assim como aconteceu com Power Rangers, mostra que a critiavidade por Hollywood anda fraca. Para um dos papéis foi convidado o ator indiano Dev Patel, (Quem quer ser milionário?) que fará o papel de Zuko, um dos que ajudam Aang a salvar o mundo.

domingo, 16 de agosto de 2009

Pitty - Chiaroscuro


É uma pena que muitos baianos não reconheçam que Pitty é uma ícone a ser respeitada. Nasceu de uma terra de bitolados por Axé Music e Carnaval e passados a fase da novidade ainda se mantém como uma estrela a ser admirada e mantendo o seu próprio brilho. De personalidade forte, mal humorada, consegue até deixar como secundário algumas derrapadas como ter feito duetos com Negra Li ou engravidar de um baterista de uma bandinha furreca de rock para teens retardadas.

O fato é que o primeiro álbum da Pitty tinha uma sonoridade pop, apesar das guitarras, muito grande, tanto que praticamente o álbum todo foi tocado nas FM. Tá bom, rolou jabá, é verdade, mas admitam que tem bandas que não decola nem com jabá.

A tendência é com o passar do tempo, o som abaixar à medida que a popularidade cresce. Vide Titâs, aonde os fãs que ouviram "Cabeça Dinossauro" e "Titanomaquia" não conseguem acreditar, atônitos, nessa porcaria que se tornou hoje. Por isso, Pitty, apesar de flertar com o mundo pop, ainda consegue manter uma sonoridade roqueira ao som de modo a criar um próprio estilo e fincar seu nome na história.



Chiaroscuro significa claro e escuro em italiano. O título do terceiro álbum de estúdio faz jus ao estilo que não está tão pop como o primeiro e nem tão roqueiro quanto ao segundo. Está apenas claro e escuro. São 11 canções que mistura guitarras distorcidas com ritmos latinos como bolero, soul, tango e até música erudita.

A melhor se chama "ME ADORA" que já está tocando nas rádios que permeia um pouco pelo som setentista com um pouco de música brega. Tá bom, o refrão não é lá muito cristão, mas não se pode deixar de negar que gruda no ouvido e se torna um novo discurso romântico, embora paradoxo.

Curiosamente, além de "Me adora" as melhores são justamente aquelas aonde a banda deixa as frescuras, ops, digo, inserções musicais externas de lado e decide tocar apenas rock e onde a bateria pulsa de verdade: "8 OU 80", "FRACASSADO", "MEDO" e "TODOS ESTÃO MUDOS". Tem ainda uma baladinha romântica "SÓ AGORA" que não tem nada demais porém deve fazer a festa das rádios da mesma forma como "Na sua estante" fez ano passado. Ah, e justiça seja feita, tem ainda "DESCONSTRUINDO AMÉLIA", que apesar do discurso feito para agradar feministas, tem uma sonoridade boa. Fora isso, o resto é para fãs, que vão gostar mesmo que ela cantasse "Pelados em Santos" do Mamonas Assassinas.

Pitty merece meu e o respeito de quem reclama que não se faz rock de qualidade no país. E para quem está cansado de tanto rock-emo, quem diria, justamente uma baiana que tem um filho do integrante do NX ZERO, é que se transforma na voz dissidente.

No geral o disco está ótimo; vale à pena.

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Briga de Cachorros Podres!




Essa briga entre Record e Globo está hilária! Sorrisos garantidos todos os dias. Na verdade eu odeio a Globo, mas isso não significa que admiro a Record. Ambas são manipuladoras de informações, ambas não prestam, se a Record é acusada de supostamente usar a IURD como financiadora, a Globo já foi supostamente acusada de ter sido financiada pelo Regime Militar, por Partidos Políticos, por empréstimos escusos do BNDES, e ainda, de ter utilizado durante muito tempo - e alguns ainda dizem que num acordo com o SRF ainda o faz - o "Criança Esperança" como meio de deduzir despesas com o Imposto de Renda e dívidas com a União.

A briga é boa, é igual briga de políticos. Quero que coninuem se digladiando, se matem e morram juntos. E nos deixem descansar em paz.

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Cantemos louvores a Jeová

Será que foi só eu que não gostou muito das novas mudanças?




Tudo bem, para não dizer que sou chato, (ou receber emails do tipo "Você é Testemunha de Jeová mesmo?") não é bem que não gostei; ainda digerindo... digerindo...

Mas para manter vivo o atual cântico, segue o mais lindo de todos.



A salvo, Jeová porá seu fiel povo.

Os inimigos nossos verão o Seu poder.

Qual Rochedo, nos dá proteção; nos salvará.

Destemidos, louvemos, então, a Jeová.

Song 74





domingo, 9 de agosto de 2009

Congresso x Gripe A

A influenza H1N1 está na moda. Embora ela não esteja matando nem 1/100 do que a Dengue anda fazendo, mas o terror da população fez com ela se tornasse a doença número um da mídia.

Entre os conselhos dados por especialistas, evitar ambientes fechados e conglomerados de pessoas é essencial. Então como fica o Congresso? Como ninguém, claro, vai deixar de ir num congresso por causa de uma gripe, vale aqui alguns conselhos.

1 - LEVE LANCHE OU ALMOÇO DE CASA

Esqueça aquelas barraquinhas de cachorro quente e refrigerante que sempre surge em frente a Ginásios ou Estádios. Em situação normal, raramente são limpos, imagine em tempos de Gripe A? O Escravo sempre aconselha, em vez de levar um almoço, lanches leves.

2 - NÃO COMPARTILHE ALIMENTOS

Faz parte do comportamento generoso de nossos irmãos, mas como quem vê cara, não vê mão contaminada, resista a ficar compartilhando alimentos. Pense bem antes de ficar aceitando aquele bolo de chocolate ou salgadinho oferecido pela irmã do lado. O vírus H1N1 é de fácil transmissão por meio do contato físico e as mãos é o maior deles.

3 - MÁSCARA PARA QUE?

O objetivo principal da máscara é evitar que o vírus se espalhe, portanto, ele é indicado para quem está doente. Por isso não vá pagar o mico de ficar usando máscara cirúrgica no Congresso. Além disso, em cerca de 2 horas, por causa da respiração e da saliva, a máscara estará úmida e se alguém doente espirrar bem em sua frente, imagina por meio de quais bactérias o vírus vai contaminar você?

4 - NÃO SE DESESPERE

Os sintomas da Gripe A são bem específicos. O principal deles é que a febre superior a 40º e a dor na garganta chega de uma hora pra outra. Se você está apenas meio febril e com leve dor no corpo, pode ser que esteja apenas resfriado ou com gripe comum, que mata também se não for cuidada, mas não precisa se desesperar. Em vez de procurar os irmãos na enfermaria, vá direto a um posto médico mais próximo da realização do congresso. Lembre-se que os irmãos ali não são médicos e não foram treinados para casos de emergências.

5 - LIMPE AS MÃOS REGULARMENTE

Se não puder levar um álcool em gel, para passar nas mãos todas as vezes em que tocar em locais públicos como parapeitos de escada, corrimão, maçanetas, dirija-se ao banheiro para lavar as mãos com água e sabão. Não se esqueça de limpar bem a capa das Bíblias e das publicações ao chegar em casa.