sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

O QUE É O NATAL?

Natal é um município brasileiro, capital do estado do Rio Grande do Norte, pertencente à Região Metropolitana de Natal, à microrregião de Natal, à mesorregião do Leste Potiguar e ao Polo Costa das Dunas.

A cidade nasceu às margens do rio Potengi e do Forte dos Reis Magos,no extremo-nordeste do Brasil, numa região chamada "esquina do continente", distante 2.507 quilômetros de Brasília. É conhecida como a "Cidade do Sol" ou "Noiva do Sol" por ser uma das localidades com o maior número de dias de sol no Brasil, chegando a aproximadamente trezentos.Também a chamam de "Capital Espacial do Brasil" devido às operações da primeira base de foguetes da América do Sul, o Centro de Lançamento da Barreira do Inferno no município limítrofe de Parnamirim.

Capital menos violenta do Brasil, décima-quarta cidade mais segura do Brasil e terceira capital com melhor qualidade de vida do Norte-Nordeste,é a vigésima cidade mais populosa do país, detendo em 2010 uma população de 803.311 habitantes (ou 1.350.840, contando a região metropolitana).

Feliz Natal-RN! Que todos os nossos irmãos de Natal, possam ser felizes e que Jeová os abençõe muito.




.

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

O AMOR É REALMENTE CEGO


Maridos, continuai a amar as vossas esposas,..."
- Efe. 5:25.


Sabem quando dizem que o amor é cego? Alguns cientistas da Universidade da Flórida descobriram que isso pode ser mais do que uma expressão, mas um fato comprovado. O amor torna o cérebro humano incapaz de prestar a atenção em rostos bonitos. Segundo esses cientistas, isso acontece porque, quando as pessoas pensam em amor, o neocortéx do cérebro passa a enviar sinais repelindo pessoas muito atraentes - que são tentadoras e tem mais chances de levar alguém a praticar o adultério.

O mais irônico nessa pesquisa é que ao contrário do que você pensou, esse mecanismo está 4 vezes mais presente no cérebro masculino do que no cérebro da mulher. Isso nos reforça outro ditado que diz: "Homem é dificil de amar, mas quando ama, ama de verdade."

Como a maioria dos cientistas, eles atribuem isso a um processo evolutivo que teria se desenvolvido para ajudar o ser humano a ser mais monogâmico. O que esses cientistas não explicam é porque as pessoas teriam a necessidade de ser monogâmicos na natureza, uma vez que o princípio básico da evolução, são as adaptações para sobrevivência da raça. Desta forma pra sobreviver, seria muito mais interessante que os seres humanos se tornassem poligâmicos aumentando a chance de mais procriações.

É óbvio que esse mecanismo do cérebro foi colocado propositadamente por um Criador, preocupado em que as pessoas que se amam, ficassem juntos e vivessem sem dificuldades sob suas Leis que não são pesadas, entre estas, a que diz: "...deve ser marido de uma só esposa.’ — 1 TIMÓTEO 3:2."




Fonte: Revista Superinteressante, mar 2010.

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

QUAL MINHA FANTASIA?



Eu vivo muitas vidas,
mas este personagem eu não escolhi.
São as minhas escolhas que define quem eu sou.
Lutei.
Desisti.
Abandonei.
Duvidei.
Esqueci...?
Encontrei!
Não foi à toa que descobri meus medos e virtudes
para ter liberdade em minhas escolhas.
Ainda vou viver muitas vidas nesta vida.
Mas felicidade é ser eu mesmo.
Sei que serei sempre o mesmo.
Mas não posso garantir que serei o mesmo para sempre...






Fábio Assunção, para a campanha da NEXTEL.

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

VAMOS LÁ...

Prometi a uma amiga, a minha família e muitos amigos que não perderia uma reunião sequer. Bem, já se passaram três reuniões e não tive coragem de ir. Eu sei que devemos agradar a Jeová, que existem muitas pessoas lá que gostam de mim e que estão torcendo pelo meu retorno, mas ainda assim, é complicado. Vocês nem imaginam; só quem já passou, ou está passando, por isso sabe dizer.

Na verdade, estou sozinho, e talvez esse seja o grande problema. É difícil lutar sozinho, sem alguém para te apoiar pessoalmente. Mas como Jeová é maravilhoso, minha mãe resolveu vir morar em Brasilia. Como na primeira vez, ela será minha grande força terrestre neste processo.

Domingo, decidi assistir reunião em outra congregação aonde não conhecesse as pessoas. A situação é constrangedora do mesmo jeito, porque por mais que você chegue depois de iniciado a reunião e saia antes dela terminar, sempre tem algum indicador, irmão ou irmã que vem lhe cumprimentar e perguntar de onde você é. E sempre tem alguém que você conhece ou que conhece você.

Não consigo falar, e acabo passando por mal educado. Espero que alguém um dia diga a eles que não falei por que não sou ninguém nesse momento.

Ainda penso, se mantenho esse blog ou não, sei lá, vai que alguém ache que estou contribuindo para que vocês estejam pecando por "ler" um desassociado. Mas é que eu escrever, e no momento, escrever é a única forma de por pra fora as coisas que sinto sem ter vontade de explodir.

Bem, hoje vou assistir reunião na minha congregação. Será a primeira depois do anuncio. Vamos lá, seja o que Jeová permitir.

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

CAI A FICHA!


"Não me diga isso,
não me dê atenção,
mas obrigado por pensar em mim"
- Renato Russo.



A primeira semana é muito complicada. Parece que não caiu a ficha. Você só percebe que é desassociado quando assiste a primeiro reunião e os irmãos ignoram você. Por mais sabido que isso iria acontecer, ainda é muito complicado. Afinal, quem gosta de ser rejeitado e tratado como se não existisse?

Mas como não sou marinheiro de primeira viagem, vou tentando tirar de letra essa situação. Não importa o que voce fez, não importa o que fazem com voce: O MAIS IMPORTANTE É SERVIR A JEOVÁ!!

As vezes quando estou casa, sinto coisas estranhas. Sinto vontade de sumir do mundo, de que isso não estivesse acontecendo. Se pudesse eu até me mataria, para não sentir a dor, a angústia, o nó na garganta e a dor no peito que parece não parar nunca. Às vezes me imagino num pesadelo aonde a qualquer minuto vou acordar. Mas não acordo, aliás, acordo todos os dias dentro de um pesadelo.

Percebi que dormir é a melhor solução. Mas nenhum médico achou motivo suficiente para me receitar o DORMINOD. Ah, tem o Rivotril, mas ele perdeu a força quando me desiludi há uns 8 anos com uma pessoa. Não tem mais efeito em mim o desgraçado.

Passo as noites em claro, e os dias em mais claros ainda. Perdi minha esposa, minha religião... e meu time caiu para a segunda divisão. O que mais pode acontecer 2010? Tento não ouvir músicas deprimentes, mas o que fazer se meu gosto sempre inclui Radiohead, Lykke Li, Amy Winehouse, Lacrimosa, Ramstein, entre outros?





PS: Desculpe a pessoas ao qual não respondi ao email, todos com a mesma pergunta. Talvez porque as respostas sejam óbvias.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

ODE AO ARREPENDIMENTO E A CELEBRAÇÃO AO RETORNO

Pequei.
E como todos os pecadores, preciso pagar pelos meus erros.
Tentei ser alguém especial, mas me tornei um inútil em busca da vaidade.
Como toda pessoa imperfeita, sobrepujei meus defeitos.
Magoei a quem não devia magoar.
E sofro pelos meus atos contínuos.
Sou homem.
Sou corajoso.
Não fujo das minhas responsabilidades.
E acato a punição pelas minhas irresponsabilidades.
Amei.
Amo.
E estarei de volta assim que puder...
Entro no trem de uma longa viagem.
Viagem de oração e reflexão.
Perdoem-me a quem traí.
Perdoem-me os a quem decepcionei.
Que Jeová tenha misericórdia de mim!!!

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

SENHOR DAS HORAS



O tempo é meu inimigo.
Ordena que as horas do dia se arrastem.
Permite que as horas da noite se mortalizem.
Cada minuto é um tormento que me escarnece.
E os segundos são meros pixels de dor.
O tempo é meu inimigo.
E minha hora chegou!